terça-feira, julho 08, 2008

Se sou o que sou hoje, uma pessoa tranquila, de bem com a vida e sem receio de expressar os sentimentos, foram as experiências, sobretudo as amorosas, que assim me fizeram. Começam hoje alguns relatos do que foram algumas dessas experiências. Não há cronologia, apenas o correr da memória...

S. foi a primeira pessoa com quem estive. Era demasiado novo, poupo-vos a esse pormenor, quando fui seduzido, conquistado. Ela tinha mais três ou quatro anos que eu. A pele morena, quase cigana, olhos e cabelos negros, pele macia e cheiro suave. As casas das nossas avós eram vizinhas e muitas vezes nos cruzavamos no corredor comum. Começamos a falar e certo dia ela pegou-me na mão e levou-me para o barracão da minha avó. Em cima de umas sacas de roupa, deitou-me e deitou-se por cima de mim. Era uma saia de flanela daquelas com padrão aos quadrados. As suas pernas eram suaves. Beijava-me avidamente, mais com vontade que com técnica. Movia a barriga em movimentos circulatórios e encostava a púbis ao meu pénis. Creio que foi a primeira erecção da qual tive consciência! Ele levantou-se, tirou as cuecas, brancas com florzinhas azuis e desapertou-me as calças. Apenas olhava para os seus olhos e a certeza com que ela fazia as coisas. Encaixou em cima de mim e senti uma sensação completamente nova... Não sei quanto tempo durou, não sei se houve ejaculação, não sei se houve prazer! Sei que foi a minha primeira vez. Fui guiado, conduzido, seduzido... Hoje posso dizer que aquela experiência deixou marcas! Estive muitos anos para ter outra experiência, não porque a considerasse má, mas porque foi algo intenso! O meu respeito pelo poder das mulheres nasceu daí, mas também a certeza que para algo ter força são precisas duas pessoas! Aprendi a ser aluno e mais tarde professor, porque uma aula só existe se houver as duas figuras...

A S., o meu tributo por me ter ajudado a ser quem sou...

11 comentários:

Erotic Spirit disse...

only u to bring me back to blog world... have been at the door, ready to close it. Stop reading all my favorites... stop commenting... getting ready for isolation and now this simple and beautiful post
:)
thank u for sharing
big kiss

Francisco del Mundo disse...

my beautiful erotic, why are you leaving? Don't do it... I'm sure you have so much to share...
Kiss

Just a Girl disse...

Que bom (t)ler-te de novo! Um texto tão genuínamente teu... :D Bjk

Francisco del Mundo disse...

just, e que bom é ter-vos aqui...:D
Beijo

Joana disse...

Boas,
Gostei de teu blog, parabens!
Um bj.

Carla disse...

Obrigada por partilhares comigo (e com os outros)essa tua experiência. Já á tanto tempo que não me lembrava da minha primeira vez,nessa altura ainda acreditava em tantas coisas, mas foi muito interessante e á coisas que nunca se esquecem.

Bj

Peach disse...

...e a vida é feita destes momentos Intensos :) sem eles nada teria sentido!

gostei... deste pedaço do teu passado.

beijo

Pekenina disse...

A primeira vez, boa ou má, será sempre a primera (=
Belo post, sem dúvida!
Beijinho*

Francisco del Mundo disse...

joana, muito bem-vinda! Espero que continues a gostar...
Beijo

Francisco del Mundo disse...

carla, vou lembrar algumas das minhas experiencias...:D
Beijo

Francisco del Mundo disse...

peach, espero que continues a gostar desta minha viagem ao passado...:D
Beijo