sexta-feira, fevereiro 01, 2008

Complicado seguir um caminho direito quando a nossa vida dá tantas voltas... Mas vou acreditar que consigo...

12 comentários:

Nanny disse...

Podes crer Francisco, podes crer...

Ás vezes parece que custa a endireitar...

Beijinhos menino

Francisco del Mundo disse...

nanny, pois é..:D
Beijo linda

Erotic Spirit disse...

Se fosse assim tao direitinho era boring :)

kiss

Francisco del Mundo disse...

erotic, ta bem...:) mas assim até confunde...:D
Kiss

Erotic Spirit disse...

Pois... tem dessas coisas, nao da pra usar o GPS, tem que ser mesmo sentido bde orientacao nao e? lol

Pekenina disse...

Acho que a única razão para a vida dar tantas voltas é para nunca podermos olhar para o infinito e sabermos "como termina". Assim, atrás de cada curva está uma surpresa e cabe a nós próprios com a ajuda dos amigos transformar as más surpresas em boas (ou pelo menos tentar ver o lado positivo da coisa, ainda que não seja muito fácil) e aproveitar as surpresas boas ao máximo (porque algo me diz que vêm em menor número que as más :P).
Desculpa lá o testamento mas olha quando é para comentar coisas destas, é a valer ;)
Beijinho grande e força nessa tua viagem que, decerto, não a fazes sozinho!*

Francisco del Mundo disse...

erotic, ahhaha, as vezes nem assim...
Kiss

Francisco del Mundo disse...

pekenina, é um belo comment...:D
Beijo

_aifos_ disse...

às vezes essa sensação é terrível... outras vezes até pode ser bom!...

Francisco del Mundo disse...

aifos, é verdade que nos devemos perder para encontrar... mas assim até ficamos tontos...:D
Beijo

Mara Pereira disse...

Olá Francisco,
é certo que a vida dá muitas voltas...mas acredito que tentar controlá-las para seguir um caminho direito não será a melhor opção.
Se acreditas na aprendizagem através das etapas da vida, concordarás que às vezes uma curva no caminho serve para aprender algo.
O caminho certo existe, não é direito ou assim assim, é apenas o nosso caminho aquele que todos procuramos e vamos encontrar, aquele que nos fará viver felizes. Por isso quem sabe se nesse caminho, não tão direito como desejavas, não existe a ligação para o caminho certo.O teu caminho.
beijos :).

Francisco del Mundo disse...

Mara, entendeste mal!:D Eu nunca disse que quero controlar as voltas da vida... Pelo contrário, gosto da incerteza que é a vida! Aquilo que quis dizer com o caminho a direito foi que por vezes temos obstáculos (tentações, dificuldades, tristezas) que nos fazem vacilar naquilo que acreditamos ser o caminho correcto! Mas como disse, acredito que vou conseguir manter sempre os valores e principios que acredito serem os melhores...
Beijo