segunda-feira, abril 21, 2008

Admito que gosto muito de televisão! E o facto de gostar de ver muita tv, desde filmes, séries, serviços informativos, não me tira a vontade e o gosto de fazer muitas outras coisas. Creio que há uma demonização excessiva da televisão! Uma família pode socializar em frente à televisão, tem é que haver uma predisposição para a comunicação e para o alargamento de horizontes. Se os pais estão a ver um documentário sobre história ou os filhos um filme de acção (mas bom), tem que haver a capacidade de ver as coisas boas de cada programa. Daí podem nascer agradáveis conversas inter-geracionais. Como sempre acho que é uma questão de bom senso... Deixo mais um poema do programa Voz, desta vez Liberdade de Fernando Pessoa, declamado por Raúl Solnado...

4 comentários:

2cute4you disse...

Tu és um vício...agora tenho que andar atrás do "sentimental" também...já que "O do mundo" não está só...não fosse eu lerda e já te tinha descoberto!!!

Lover disse...

Excelente partilha ;)

Francisco del Mundo disse...

2cute, duas faces da mesma moeda... No Mundo, o público! No Diário, o privado...:D
Beijo

Francisco del Mundo disse...

lover, ao serviço de vossas excelências...:D
beijo